5 de out de 2011

Muita energia!

Vamos começar o post de hoje com perguntas para você: 378 megawatts iluminam quantas casas? Se considerarmos a média de consumo dos brasileiros por unidade, que é 150 watts, a resposta é cerca de 1.8 milhão de residências. Outra pergunta: e um gigawatt? Seguindo a conta anterior, cerca de 4.8 milhões de casas. Esse é apenas um cálculo simples de como vamos aumentar nossa parceria para o desenvolvimento do Brasil, depois do anúncio que fizemos esta semana de contratos para fornecimento de energia nas áreas de gás natural e energia eólica.

Os 378 megawatts correspondem ao leilão que vencemos para fornecer energia eólica com nossas turbinas GE 1.6 megawatts. Isso representa 40% do total que foi leiloado pela Agência Nacional de Energia Elétrica. Já um gigawatt, se refere à geração de eletricidade feita por meio das turbinas a gás GE Frame 7FA. O negócio chega ao valor total de US$ 800 milhões. Além disso, fechamos contrato com a brasileira OGX para fornecer equipamentos de perfuração em campos de petróleo para os próximos quatro anos.
As turbinas eólicas GE 1.6 megawatt têm um histórico de sucesso global, com mais de 16.500 unidades instaladas em diferentes países.


No final da história, os negócios anunciados esta semana chegam, aproximadamente, a US$ 1 Bilhão. Uma boa notícia para a GE Energy e para o Brasil, uma vez que esses contratos materializam cada vez mais nossa parceria e compromisso com o país.
De acordo com o Ministério das Minas e Energia, o Brasil precisa aumentar sua capacidade de geração de energia elétrica em 50% nos próximos 10 anos.
A previsão é que as turbinas eólicas entrem em funcionamento no primeiro semestre de 2014 e as turbinas a gás têm previsão de iniciar a operação também em 2014. Aliás, só para não esquecer, esse será o ano em que o Brasil estará sediando a Copa do Mundo de futebol.
As turbinas a gás GE Frame 7FA são equipamentos de tecnologia avançada, com mais de 36 milhões de horas de serviços em clientes espalhados pelo mundo. Já as turbinas eólicas GE 1.6 megawatt, também têm um histórico de sucesso global, com mais de 16.500 unidades instaladas em diferentes países.
As turbinas a gás GE Frame 7FA, equipamentos de tecnologia avançada, devem entrar em funcionamento em 2014.
Petróleo

Como parte fundamental do acordo com a OGX, a GE fornecerá estruturas submarinas para gabarito de perfuração de poços (“templates” submarinos) e sistemas de reconexão com plataformas fixas, o que permitirá que a OGX tenha total flexibilidade entre os poços pré-perfurados com sondas semissubmersíveis, além de poços perfurados diretamente das plataformas fixas.

Este recurso ajudará a aumentar a produção inicial dos campos de Waimea e Waikiki, maximizando o uso dos poços pré-perfurados. Esta solução tecnológica da GE foi testada e instalada com sucesso em campo, em projetos semelhantes na África Ocidental.
(geblogs)

Nenhum comentário:

Postar um comentário