10 de jan de 2012

Demóstenes pede inquérito contra Bezerra



SENADOR DEMÓSTENES TORRES

Claudio Humberto
O senador Demóstenes Torres (GO), líder do DEM no Senado, ingressará em instantes com representação contra o ministro Fernando Bezerra (Integração Nacional), solicitando do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, a abertura de inquérito civil público para apurar as várias denúncias divulgadas na imprensa. Com onze páginas, além de anexos, a representação, cuja íntegra este site obteve em primeira mão, menciona as acusações como a de favorecimento a Pernambuco, Estado onde o ministro é candidato a governador, que recebeu por exemplo espantosos R$ 34,2 milhões do Ministério da Integração Nacional, quantia que é o dobro da soma dos recursos liberados para Santa Catarina, Rio de Janeiro e Minas Gerais. A representação também cita a acusação de nepotismo, na medida em que Clementino Bezerra, irmão do ministro, foi nomeado presidente da Codevasf e de favorecimento do próprio filho, deputado Fernando Coelho (PSB-PE), cujas emendas parlamentares foram integralmente atendidas pelo pai ministro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário